Menu fechado

Esportes

A relevância do esporte para a sociedade pode ser compreendida por meio de uma multiplicidade de aspectos. Sua prática tem papel preponderante, especialmente no contexto escolar e na promoção da saúde, colaborando na superação de problemas sociais e econômicos enfrentados pelas comunidades. O esporte caracteriza-se ainda como forte indutor do desenvolvimento, estimulando a economia, demandando investimentos na indústria e no setor turístico, promovendo a geração de emprego e renda em diferentes segmentos.

Programas e projetos esportivos educacionais e de participação podem democratizar e universalizar a prática esportiva sem que haja exclusão dos praticantes. Dessa forma, torna-se indiscutível que o Estado propicie o desenvolvimento relacionado às atividades voltadas à saúde e à educação, vertentes das manifestações do esporte de participação escolar. Importa salientar que, segundo estudos da Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), nas comunidades e regiões aonde existem programas de apoio ao esporte para crianças e adolescentes, há uma queda anual de 30% nos índices de criminalidade.

Incentivar a prática de atividades físicas com vistas à promoção de saúde, esporte na base ou na escola, não se caracteriza em restrição ao esporte de rendimento e aos grandes eventos que consolidam sua relevância. A formação de atletas e a consecução de resultados alicerçados no desempenho só serão possíveis se o esporte for democratizado. Em síntese, o sucesso do esporte de rendimento resulta, em médio e longo prazo, de investimentos maciços no esporte educacional.

AÇÕES PROPOSTAS

Criar um programa estadual para o esporte escolar e de base, com o objetivo de democratizar e universalizar a prática esportiva.

Criar condições para que toda a população catarinense possa desenvolver um estilo de vida saudável por meio do esporte.

Investir em capacitação profissional e pesquisas em âmbito esportivo e de lazer, visando à qualificação e a capacitação de gestores e profissionais que atuam na área.

Apoiar os municípios na ampliação, requalificação e adaptação dos equipamentos públicos para a prática esportiva e de lazer, atendendo às demandas locais, assegurando as normas de acessibilidade e segurança nos projetos executivos.

Promover a geração de trabalho e renda, de forma direta e indireta, na cadeia produtiva do esporte e do lazer.

Fomentar parcerias com a iniciativa privada para a promoção do esporte e do lazer.

Transformar Santa Catarina em potência esportiva, fazendo uso racional dos espaços existentes no Estado.

Ampliar a prática de esportes nas escolas, como parte da formação integral da criança e adolescentes, viabilizando a revelação de novos atletas.

Intensificar a utilização dos ginásios esportivos pela comunidade, para a execução de programas específicos de recuperação de detentos e de adolescentes infratores.

Apoiar os Jogos de Integração de Idosos.

Organizar e apoiar jogos de integração de pessoas com necessidades especiais.